[Julio Cesar Lemes de Castro; J. C. L. Castro; Castro, Julio Cesar Lemes de; Castro, J. C. L.]

[Participação em eventos]

III Colóquio Anual do Latesfip

Organização: Laboratório de Teoria Social, Filosofia e Psicanálise (Latesfip), Departamento de Filosofia/Instituto de Psicologia, USP
Local: São Paulo (SP)
Data: 7 de outubro de 2016

A cultura neoliberal da performance

CASTRO, J. C. L.

Resumo: O projeto neoliberal hegemônico no mundo nas últimas décadas tem caráter abrangente, constituindo um tipo de racionalidade ou cultura. Um de seus traços distintivos é a promoção do individualismo competitivo, que leva cada um à busca da otimização de seu desempenho em todas as esferas da vida. Essa cultura da performance desdobra-se em injunções de conectividade, visibilidade, agência, plasticidade, rendimento, gozo, mensurabilidade e normatividade, que se entrelaçam e se superpõem de várias maneiras. Tais injunções incidem sobre o sujeito e constituem ferramentas essenciais na formação da subjetividade neoliberal. A identificação de um elemento comum a essas injunções e sua associação ao neoliberalismo é que torna possível conceber a cultura neoliberal da performance como um fenômeno geral, que se diferencia de fenômenos do passado e se articula a conceitos que dão conta de diferentes dimensões da contemporaneidade – pós-fordismo, sociedade do espetáculo, sociedade de controle etc.

Palavras-chave: neoliberalismo, performance, empreendedorismo de si, cultura, governamentalidade.

Voltar à página de eventos

[Home] [Apresentação] [Formação] [Publicações] [Participação em eventos] [Links] [Links]