[Julio Cesar Lemes de Castro; J. C. L. Castro; Castro, Julio Cesar Lemes de; Castro, J. C. L.]

[Publicações]

CASTRO, J. C. L. Sujeito, desejo e identidade no discurso da histeria. Anais do III Simpósio Nacional e I Simpósio Internacional Discurso, Identidade e Sociedade (SIDIS), Campinas (SP), 2012.

Resumo: O trabalho busca aprofundar a proposta de articulação entre a histeria como estrutura clínica e como laço social. Embora o discurso da histeria, como um tipo mais geral de laço social, possa caracterizar situações envolvendo sujeitos que não são necessariamente histéricos no sentido clínico, seu modelo é o da categoria nosográfica. Trata-se, aliás, do único discurso inspirado numa patologia. Por isso, para compreender seu modus operandi, o texto deriva a montagem do discurso da histeria a partir das características e do funcionamento da estrutura clínica histérica. Por outro lado, pensar essa estrutura nos quadros da teoria dos discursos lança sobre ela novas luzes e precisa a conceitualização de Freud com base em Lacan. Assim, ao contrário do que se faz usualmente – analisar o funcionamento de um discurso a partir da posição dominante, do agente –, o texto faz o percurso inverso. Esse procedimento permite mostrar a gênese da histeria em termos de discurso e, de modo mais geral, como a linha de baixo do algoritmo do discurso funda a linha de cima.

Palavras-chave: discurso da histeria, psicanálise, Freud, Lacan.

Voltar à página de publicações

[Home] [Apresentação] [Formação] [Publicações] [Participação em eventos] [Links] [Links]